terça-feira, 28 de julho de 2015

Bendito seja...

Bendito seja o recomeço dentro do peito, 
Que faz de mim não mais fim
Mais início outra vez.
Vitor Ávila